02 de março de 2021 - 10:22

? ºC Cuiabá-MT

Polícia

25/11/2020 11:56

Criminosos que executaram 4 pessoas em região de garimpo "fecharam" estrada para abordarem vítimas

Os quatro criminosos responsáveis por executaram quatro pessoas em uma região de garimpo no município de Aripuanã ( a 1,022 km de Cuiabá) fecharam uma estrada para conseguirem sequestrar as vítimas. Segundo a delegada Amanda Menuci, o crime ocorreu no sábado (21) e os corpos foram encontrados dois dias após o crime em estado de putrefação.

As vítimas foram identificadas como Luiz Felipe Viana Antonio da Silva de 19 anos, Leoncio José Gomes, de 40 e Elzilene Tavares Viana de 41 anos, conhecida como Babalu. Jonas dos Santos, de 25 anos, que teria pegado carona com a família também executado.

De acordo com a delegada, as vítimas estavam descendo a serra do garimpo quando foram abordadas pelos quatro criminosos que estavam armados. Os suspeitos haviam bloqueado a estrada usando uma caminhonete.

"Eles passaram um pouco da região de Tutilândia, pararam  a caminhonete e executaram essas pessoas. Alguns populares já haviam encontrado os corpos em estado de putrefação", disse Amanda.

Conforme o boletim de ocorrência, Jonas que estava acompanhado da mulher grávida L.V.V de 19 anos, implorou para que os criminosos não a executassem. O grupo colocou a jovem no veículo e a deixou em outro município. Os corpos estavam próximos à uma caminhonete que foi queimada.

As chamas atingiram o corpo do Elzilene que ficou parcialmente carbonizado. Ela era é conhecida por ser uma líderes das região de garimpo. Em 2015, a mulher atuou no garimpo na Serra do Caldeirão em Pontes e Lacerda ( a 443 km de Cuiabá).

"Nós vamos proceder com as investigações para apurar a autoria e as motivações desse crime", contou.

Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia.


Copyright  - A Noticias de HJ - Todos os direitos reservados  - contato@noticiasdehj.com.br